Conexão Total: mercado imobiliário, prepare-se!

Por Kevin Kaleski, Total IP - Publicado em 01/08/2022 07h00, última atualização em 02/08/2022 15h44

O termo transformação digital já faz parte das nossas vidas há algum tempo, é comum associá-lo a empresas mais novas, mas essa realidade chegou também aos nichos mais tradicionais. Trata-se de um caminho sem volta para o mundo dos negócios. 

A pandemia da covid-19 apenas evidenciou essa urgente necessidade de adaptação, tanto ao contexto quanto aos novos comportamentos dos consumidores. Com o ramo imobiliário, não foi diferente: o setor tem passado por um intenso processo de inovação. 

Segundo levantamento da Digital Adoption, 51% de todos os esforços em transformação são alimentados pela pressão do mercado, ou seja, por exigência dos clientes e 67% da jornada de compra do consumidor é feita pela Internet. 

Se a busca por casas antes acontecia por meio dos classificados, ou indo presencialmente até uma unidade para conferir o catálogo físico, hoje acontecem de forma majoritariamente on-line. Normalmente gerido por meio de um CRM (Customer relationship management), por ele é possível administrar o site, o contato de clientes interessados, controle de funcionários entre outras funcionalidades. Esse tipo de software também é imprescindível para o aperfeiçoamento da gestão, pois sem informações precisas sobre o desempenho da equipe pode ser difícil tomar decisões para premiar os colaboradores ou identificar pontos de melhoria.

Outra forma de divulgação popular acontece nos portais especializados, nos aplicativos e nas startups, utilizadas sobretudo por corretores autônomos, ou mesmo os parceiros por sua fácil gestão de anúncios e intuitividade.

Até mesmo as visitas passaram por adaptações. Hoje, muitos locais aceitam a opção de realizá-las remotamente. Ou mesmo um tour virtual, uma apresentação completa em 360 graus das propriedades disponíveis. A experiência é semelhante a ir presencialmente, o usuário pode circular pelos cômodos, ver os detalhes e ter mais informações sobre tamanho e planta. A ferramenta permite uma melhor visualização e ajuda o consumidor na hora de dar a palavra final na transação, além de trazer vantagens logísticas.

De acordo com dados da Fipe, em 2020, apesar da crise econômica, o mercado cresceu 26%. Já segundo relatório do IBGE sobre o PIB de 2021, houve um aumento de 2,2% nas atividades imobiliárias. Segundo especialistas, isso ocorreu por vários motivos. Um deles foi a baixa dos juros, fator atrativo para o crédito de financiamentos.

Para Laís Nascimento, advogada especialista em direito imobiliário e proprietária fundadora da empresa Legally Soluções Habitacionais, “com a chegada da pandemia muitas coisas tiveram de mudar e uma delas foi a atualização digital dos bancos, principalmente para a aprovação de crédito”. Atualmente, todo o procedimento é feito a distância, desde a análise, simulação, envio de formulários e aprovação.

Outra novidade foi em relação a avaliação de bens, facilitada por sua realização via satélite. Pontos como localização, idade e valorização são considerados automaticamente pelo sistema financeiro para apontar o valor final, sem a necessidade da inspeção de um especialista.

Tanto a locação quanto o processo de compra e venda foram favorecidas com a popularização do uso das assinaturas digitais. Com uma plataforma à disposição, o cliente pode firmar de qualquer lugar, por e-mail ou no próprio smartphone. Esse processo, além de ser mais rápido, evita erros e perda de documentos. Sem falar na economia com papel, impressoras e tonners, logística e arquivamento.

Segundo Fabiano Ramos, diretor comercial da Fernandez Mera Negócios Imobiliários, uma das principais mudanças causadas pela progressão tecnológica para o corretor foi a viabilização do atendimento de dois clientes: as incorporadoras e o consumidor. Por intermédio de uma logística própria, o vendedor tem acesso a todas as informações de planejamento, planta, tabela com valores e unidades disponíveis dos empreendimentos em construção. Podendo assim, repassá-las com muita rapidez ao interessado.

Ele complementa, “a automatização permitiu uma agilidade na busca do comprador pelo lar dos sonhos e uma maior qualificação do cliente para o corretor”. Porque, com todas as dúvidas esclarecidas previamente, o interessado só segue adiante na negociação se realmente tiver certeza. Isso poupa tempo em idas muitas vezes desnecessárias.

A inovação também auxilia na integração entre CRMS e ferramentas utilizadas, promovendo a redução de falhas. Investir em inovação é eficiente para proporcionar um serviço de qualidade e personalizado para os consumidores, a fim de oferecer serviços mais ajustados às demandas deles.

Isso porque os recursos são capazes de digitalizar processos e facilitar o acesso a dados importantes. Da mesma forma, a automação de tarefas pode deixar sua equipe de corretores livre para focar no essencial: o fechamento dos negócios. Por isso, investir na modernização é um ponto importante para quem busca sair da estagnação, melhorar as metodologias internas e aumentar os lucros.

Uma super recomendação é conferir as soluções da Total IP para diversos segmentos. Com equipe multi tecnológica, a implantação e o treinamento são fáceis e intuitivos. O suporte inclui a área de performance e auxilia sua equipe na otimização bem como sugestões de melhorias.

Para fazer frente à resolução da Anatel, a Total IP desenvolveu o produto THD – Total IP Human Detector. Com ele, todas as chamadas recebem uma classificação e 88% delas são finalizadas antes de gerar custos. Promovendo economia e otimização.

Características:

  • Não impede a recepção humana: eliminamos as ligações improdutivas com base no conhecimento aprendido no decorrer do uso, com tuning preventivo a cada duas horas, todos os dias.
  • Randomização de números: controlamos o fluxo de telefonemas por DDR para não chegar a alcançar o limite diário de cem mil.
  • Bloqueio automático de canal: para sua segurança, além de acompanhar na aplicação você recebe um e-mail com este alerta.

Além disso, o discador é integrado com Omni Chat – WhatsApp e webchat da Total IP. Todas as renitências ganham um gatilho automático, sem necessidade de ações para adicionar número na lista de bloqueio, enviar um SMS, e-mail, alimentar outra campanha para ligações futuras ou com robôs dinâmicos e muito mais!

Sobre a Total IP

Atuante no mercado desde 2005, a Total IP desenvolve softwares com novas soluções para o atendimento de qualidade a clientes via diversas maneiras, seja ela artificial ou não. Quer saber mais sobre isso e garantir um melhor desempenho? Entre em contato com a equipe comercial e faça parte do futuro! 

Veja também mais matérias da TV Total IP e nos acompanhe nas redes sociais. Siga-nos no Facebook, Instagram, Twitter, Linkedin e YouTube.

Compartilhe

TV Total IP

Veja também

Newsletter

Newsletter

Cadastre-se para receber

    Enquete

    Quais dessas ferramentas mais auxiliam no home office da sua empresa?